órfã

eu perdi meu pai, perdi minha mãe,
perdi minha chance de sofrer
pelo que quer que eu sofresse de verdade.

agora é engolir o choro e fingir,
fingir até acreditar.

 

(Clara Cruz)