enluarada

Acordei com uma súbita vontade de viver.
Vou vivê-la, antes que eu a entenda.

 

(Clara Cruz)

 

← Ver outros poemas